Ter razão ou ser feliz?

Cabe muito ao momento atual…uma catarse através da política, sem escuta alguma, então, ok. né? É o momento de catarse Brasil. Agora…se alguém quiser pegar. Freud inventou a psicanálise, pois catarse só não foi suficiente…

Luciene Godoy

A Discussion (Louis Moeller, ca. 1890–95) - www.metmuseum.org A Discussion (Louis Moeller, ca. 1890–95) – http://www.metmuseum.org

Esta pergunta está no livro As Sete Vidas de Nelson Motta, atribuída por seu autor – o próprio – ao poeta Ferreira Gullar, que pergunta se o prazer de ter razão é maior que o de estar junto com a pessoa amada.

Ora, ora, muita gente pode pensar que “ter razão” é mostrar como se é e o que se pensa, portanto, lutar para ter razão é lutar por ser respeitado. Passar por cima de si mesmo é tudo o que não nos faz bem.

É verdade. Se tomado por aí, porém, não é essa a linha de raciocínio – a cadeia significante, como dizemos em psicanálise lacaniana – que o poeta tomou e que Nelson Motta pega para si ao discorrer sobre o tema, a ponto de, no texto, confundirmos se Motta está falando de si ou de Gullar.

O…

View original post 593 more words

Advertisements
Posted in Uncategorized | Leave a comment

Hello world!

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!

Posted in Uncategorized | 1 Comment